Maria Midões, a fotógrafa de comida que nunca o pensou ser

autoria P3

// data 11/01/2018 - 17:57

// 4902 leituras

“Para quem gosta de comida, Nova Iorque é uma cidade incrível: a diversidade e a novidade fazem com que haja sempre alguma coisa interessante para fotografar. E comer!” A opinião é de Maria Midões, que se mudou para os Estados Unidos atrás de um estágio num estúdio de fotografia em Brooklyn. Isto foi há três anos, depois de “uma mudança radical” na vida pessoal da portuguesa. Após o estágio, a oportunidade de continuar na cidade a trabalhar em nome próprio surgiu e Maria não a desperdiçou. Tirou dois cursos e começou a explorar a área da fotografia de comida, que a “apaixonava cada vez mais”. “Sempre adorei cozinhar, tudo o que estava relacionado com a alimentação”, revela a fotógrafa freelance. No currículo da portuguesa, que adora fotografar e viajar, estão colaborações em formatos editoriais e livros de Portugal, Inglaterra, Estados Unidos e Austrália. As revistas Suitcase, Life and Thyme e Cristina são alguns dos títulos onde já publicou, sobretudo fotografia de comida. “Ser fotógrafa nunca foi o meu objectivo”, confessa, “mas a vida foi acontecendo” quando se mudou para Nova Iorque. O dia-a-dia de Maria pode ser acompanhado no Instagram, onde conta com mais de 52 mil seguidores.

Eu acho que