Amor vertical na Torre dos Clérigos | P3
Orienta-te Redes Sociais

Amor vertical na Torre dos Clérigos

autoria Paulo Pimenta

// data 14/02/2013 - 18:02

// 23798 leituras

Este casamento não durou um quarto de hora, durou 75 metros: a altura da Torre dos Clérigos. A cena teve lugar ao meio-dia, às 3h00 e às 5h00 do dia de S. Valentim. Pé ante pé, primeiro no relógio, depois no brasão, mais tarde junto ao sino, onde uma boneca de trapos desesperava pelo seu amado, Paulina Almeida levou a cabo uma performance vertical que foi, também… o seu casamento. O noivo, o japonês Yuga Hatto, esperava cá em baixo, atento a cada movimento daquela descida, embora tenha garantido ter total confiança nas capacidades acrobáticas da noiva. Esta foi uma iniciativa da Irmandade dos Clérigos e insere-se na comemoração dos 250 anos da Torre.

Eu acho que