Ilustração

Joana Estrela entra em novo livro de “Histórias de adormecer para raparigas rebeldes”

Ilustradora portuguesa desenhou os retratos da astrofísica Sara Seager e da activista norte-coreana Yeonmi Park. Edição portuguesa está planeada para o primeiro trimestre de 2018

Texto de P3/Lusa • 15/12/2017 - 12:28

Distribuir

Imprimir

//

A A

A ilustradora portuguesa Joana Estrela participou no segundo volume do livro Histórias de adormecer para raparigas rebeldes, das autoras italianas Elena Favilli e Francesca Cavallo, cuja edição internacional saiu este mês.

 

O segundo volume do livro — no original Good Night Stories For Rebel Girls — reúne histórias de uma centena de mulheres, consideradas inspiradoras em diversos domínios, e as pequenas biografias surgem acompanhadas de retratos desenhados por 50 ilustradoras.

 

Joana Estrela, que desenhou o retrato da astrofísica Sara Seager e da activista norte-coreana Yeonmi Park, contou à agência Lusa que foi convidada a participar, depois de ter enviado o portfólio às autoras, quando estas tentavam ainda reunir financiamento para o primeiro volume.

 

Histórias de adormecer para raparigas rebeldes - volume 2, cuja edição portuguesa está planeada para o primeiro trimestre de 2018, apresenta a vida de mulheres como a tenista Billie Jean King, a bióloga marinha Rachel Carson e as escritoras Mary Shelley e JK Rowling.

 

O primeiro volume destas histórias, editado este ano em Portugal, saiu originalmente em 2016 e começou por ser um projecto que as autoras Elena Favilli e Francesca Cavallo divulgaram na Internet, numa plataforma de angariação de fundos. As autoras pediam cerca de 40.000 dólares para uma tiragem de mil exemplares, mas acabaram por reunir um milhão de dólares de apoio financeiro de anónimos e bateram o recorde de crowdfunding para um livro para a infância e juventude.

 

Apesar de se dirigirem diretamente a raparigas, as autoras esclarecem que os livros são para todos, independentemente do género ou da rebeldia. O primeiro livro conta com a participação da ilustradora portuguesa Helena Morais Soares, que desenhou a activista sul-africana Miriam Makeba e a artista mexicana Frida Kahlo.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que