Olha para cima, não para baixo: é lá que está esta Lua

autoria P3

// data 27/03/2018 - 10:42

// 4030 leituras

Ao ver a Lua ali tão perto só há uma reacção possível: “Uau!”. Foi isto que Wyile Overstreet ouviu vezes sem conta quando, uma noite, decidiu tirar o telescópio de casa e levá-lo a passear pelas ruas de Los Angeles, nos Estados Unidos da América. Queria dar a outras pessoas a oportunidade de ver o satélite natural tão próximo como nunca tinham visto. “Parece que acabei de aterrar na Lua”, diz uma mulher, perante a nitidez das crateras. O videógrafo decidiu repetir a experiência e, durante dez noites, filmou a reacção de quem espreitava pelo telescópio. “Isto puxa-nos para fora da rotina diária e enche-nos com um sentimento de admiração de que há algo muito maior do que nós e que nos esquecemos que ali está”, disse Overstreet, à Verge. E, por isso, o vídeo, partilhado no YouTube, é “uma óptima maneira de lembrar as pessoas de olharem para cima” e perceberem o “tamanho real” do que se passa cá em baixo.

Eu acho que